Voos Low Cost – Viagens baratas de Portugal

Voos Low Cost

Destinos populares em voos-low-cost.pt

Voos Baratos para Paris
Voos Baratos para França
Voos Baratos para Porto
Voos Baratos para Lisboa
Voos Baratos para Açores | Ponta Delgada
Voos Baratos para Alemanha
Voos Baratos para Frankfurt
Voos Baratos para Madeira – Funchal

Notícias Low Cost

A easyJet celebrou a inauguração da nova base no aeroporto Francisco de Sá Carneiro no Porto, oferecendo, a partir deste verão, três novas rotas a partir dos aeroportos britânicos Manchester,…

O que fazer em Madrid? Madrid, além de capital, é ainda das mais importantes cidades do Reino de Espanha. Para descobrir esta cidade são necessários alguns dias, não bastando uma…

Se compra entre 30 de setembro e 7 de outubro um bilhete para voar entre 13 de outubro e 25 de Março 2015 a vueling offerece precos muito baixos a…

Viagens low cost – Voos baratos de Portugal

Procura um voo low cost a partir de Lisboa ou do Porto? Para encontrar os voos mais baratos a partir do aeroporto de Lisboa, utilize o formulário de pesquisa. No formulário de pesquisa pode encontrar toda a informação sobre voos low cost. Se pretende encontrar um voo low cost para uma data específica, introduza-a na máscara de pesquisa. Há inúmeros destinos de viagems low cost como Paris ou Londres à sua espera.

O que são voos lowcost?

A denominação low-cost pode referir-se a voos baratos de companhias aéreas de baixo custo, como, por exemplo, a RyanAir, ou a voos regulares muito em conta, ou seja, ofertas de companhias de voos regulares como a TAP ou a Air France. Os voos low-cost das companhias aéreas regulares oferecem um conforto igual às tarifas dispendiosas da classe económica. O preço distingue-se apenas devido a condições tarifárias, tais como, por exemplo, a alteração gratuita da reserva ou simplesmente da data da viagem. Normalmente, devido aos preços baixos, as companhias aéreas de baixo custo abdicam de serviços adicionais, como refeições ou bebidas gratuitas.

O que ter em conta nos voos low-cost?

Uma companhia aérea de baixo custo não oferece apenas voos low-cost. Muitas vezes, principalmente voos em cima da hora ou em alturas de forte procura, os voos não são baratos e, por vezes, até mais caros do que o mesmo voo com uma companhia aérea regular. Nesses casos vale sempre a pena uma comparação. voos-low-cost.pt oferece a vantagem de poder comparar das tarifas das companhias aéreas regulares com asde baixo custo. Para além de comparar apenas o preço do voo, deverá, ainda, ter em consideração o facto de os voos baratos muitas vezes partirem e aterrarem em aeroportos mais pequenos, como Barcelona-Girona ou London-Stansted, os quais não se localizam nas cidades mas sim fora destas. Assim, devem ser consideradas despesas e tempo adicional para fazer o transporte para o lugar de destino pretendido. Frequentemente, devido a esses custos adicionais, a vantagem de preço do presumível voo mais barato não compensa. Principalmente em viagens de curta duração deverá ponderar se o tempo de viagem do aeroporto até ao centro da cidade não é demasiado longo para uma estadia por si já curta.

Por que comparar os preços de voo realmente vale a pena

  • Conexões de vôo para todo o mundo: Voos de 800 airlines online
  • Não intereca o tipo de companhia aérea, escolhe apenas o preço.
  • Dodos os preços de agências de viagens online em comparação
  • Comparação de preço real! Nenhum sistema de Infosys com apenas uma agência de viagens por trás
  • Preços finais, incluindo impostos, suplemento de querosene & pacote de serviço
  • Comparação independente – Nos não vendemos voos!
  • Rápido e fácil – você será redirecionado para o fornecedor mais barato.
  • Gratuitamente – você não paga nada para a comparação de preço

O que são Companhias aéreas de baixo custo?

Uma companhia aérea de baixo custo ou companhia aérea low cost é uma companhia aérea que, geralmente, tem tarifas mais baixas e menos conforto que companhias normais. Para compensar a perda dos preços baixos dos bilhetes, as companhias normalmente cobram por extras, tais como alimentos, prioridade no embarque e nos lugares etc. Atualmente a companhia aérea de baixo custo maior do mundo é Southwest Airlines, que opera nos Estados Unidos e algumas áreas ao redor. Aqui encontra uma lista de todas as companhias low cost
O termo foi originado dentro da indústria aérea referindo-se às companhias aéreas com custos operacionais menor aos dos seus concorrentes. Enquanto que o termo é geralmente aplicado para qualquer operadora com preços de bilhetes low cost e serviços limitados, independentemente de seus modelos operacionais, companhias aéreas de baixo custo não devem ser confundidas com companhias aéreas regionais que operam voos de curta distância sem serviço, ou com companhias aéreas de serviço completo que oferecem algumas tarifas reduzidas.

14 dicas para encontrar voos baratos

Fazer a reserva de um voo é fácil, o desafio é não pagar demasiado. A maioria dos viajantes apenas conhece um “truque” – reservar o voo o mais cedo possível. No entanto, tal nem sempre é recomendável e muito menos a melhor forma de poupar muito dinheiro. Neste artigo pretendo esclarecer dúvidas e contribuir com algumas dicas.

1. Utilize motores de busca abrangentes para encontrar voos baratos

Nunca inicie a sua pesquisa de voos baratos em páginas que possibilitam logo a reserva. Em vez disso, utilize motores de busca que reúnem todas as ofertas de agências de viagens online e companhias aéreas, como, por exemplo, voos-low-cost.pt.

Relativamente a voos de longo curso mais caros, os resultados da página voos-low-cost.pt são, ainda, comparados com um segundo motor de busca.

Atenção: Frequentemente os preços inicialmente apresentados nos motores de busca não estão atualizados. O preço real apenas é apresentado posteriormente.

2. Verifique os preços na página da companhia aérea

Os motores de busca mostram, muitas vezes, os preços de agências de viagens online em vez dos preços das companhias aéreas. Quando tal acontece, voos-low-cost.pt acede, diretamente, à página da companhia aérea para comparar os preços. Por vezes, os preços das companhias aéreas são mais em conta, outras, embora idênticos, as taxas cobradas pelo pagamento com cartão de crédito inferiores. Assim, poderá valer a pena fazer a reserva diretamente na companhia aérea.

3. Reserve o seu voo atempadamente

Em regra é preferível reservar um voo atempadamente pois mais tarde tendem a ser mais caros. Tal deve-se, principalmente, ao facto de existirem determinados contingentes para diferentes classes de preços. Logo que se esgotarem os bilhetes mais baratos, apenas restam os mais caros.

Contudo, tal não é necessariamente o caso. A altura certa para reservar voos de longo curso é, aproximadamente, dois meses antes da data pretendida. A exceção são voos de longo curso low-cost como, por exemplo, com a Condor. Nestes casos há duas hipóteses: quanto mais cedo melhor ou a expectativa de surgirem promoções de última hora. Em última análise não existe uma regra de ouro.

4. Seja flexível quanto às datas

Uma flexibilidade quanto à data do voo low cost é extremamente importante. É um erro pesquisar por uma determinada data de partida e de regresso. A diferença entre um voo numa quinta-feira ou numa sexta-feira pode ser de várias centenas de euros.

Domingo, segunda e sexta-feira costumam ser os dias mais caros para viajar. Contudo, há exceções, sendo por isso importante saber que o dia da partida influencia fortemente o preço do voo. Assim, recomenda-se sempre pesquisar diferentes dias no motor de busca.

Quem se encontra empregado prefere iniciar a viajem ao fim-de-semana, começando as suas férias numa segunda e terminando à sexta-feira. Mas será que tem de ser mesmo assim? Mesmo tendo em conta que poderá poupar várias centenas de euros?

Aqui vai uma sugestão: procure o voo ainda antes de marcar as suas férias. Se chegar à conclusão que um voo é bastante mais barato durante a semana, tenha isso em conta quando marcar as férias. Talvez o departamento de recursos humanos até se mostrará sensível quanto a esse argumento.

5. Seja flexível quanto ao local de partida e de destino

Dependendo do local de residência, poderá valer a pena comparar vários locais de partida. Esta questão é igualmente facilitada pela voos-low-cost.pt. Em vez de pesquisar apenas por um determinado aeroporto podem ser selecionados todos os aeroportos duma determinada localidade. Só em Londres e arredores, por exemplo, existem seis aeroportos. De Paris para Lisboa pode escolher entre 3 aeroportos em Paris.
Tal também se verifica quanto ao destino. Naturalmente deverá ter em conta que aeroportos mais distantes implicam uma despesa acrescida com a deslocação.

6. Não viaje durante as estações altas do turismo

Existem períodos durante os quais a taxa de utilização dos voos é bastante mais elevada. Tal verifica-se, principalmente, aquando de feriados, fins-de-semana prolongados e durante as férias escolares. Estas épocas são, sempre que possível, de evitar.
Não se esqueça também de consultar os feriados no país de destino. Em muitos países existem comemorações que duram vários dias. Nessas alturas, os voos e os alojamentos podem ser bastante mais caros ou estrem mesmo esgotados.

7. Viaje numa altura em que mais ninguém viaja

O que seria uma regra sem exceção? Existem feriados nos quais ninguém quer viajar, na passagem de ano ou pelo Natal, por exemplo. Ou numa sexta-feira 13. Obviamente, tal apenas é possível se não for supersticioso.

8. Não aposte nos voos Last Minute

Os voos Last Minute efetivamente mais baratos são raros, i.e., em regra os preços não baixam pouco antes da data de partida. As companhias aéreas ganham mais dinheiro vendendo poucos bilhetes a preços elevados do que muitos bilhetes a preços muito baratos. Uma descida de preços verifica-se apenas quando não é possível encher um voo, tentando a companhia aérea desta forma cobrir, pelo menos, os gastos.

Se tiver nervos de aço e o destino lhe for indiferente, encontrará um ou dois dias antes da data de partida certamente uma excelente promoção. No entanto, estas não são adequadas para umas férias bem planeada.

9. Seja flexível quanto aos horários dos voos

Existem vários voos por dia, de diferentes companhias aéreas, para as rotas mais populares. Aqui encontrará alguns horários mais populares do que outros. Optar por um horário um pouco mais inconveniente poderá significar uma poupança significativa.

10. Viaje nas companhias aéreas low-cost

Esta dica é evidente, pelo menos no que diz respeito à Europa. Relativamente aos voos de longo curso, no entanto, é frequente não existem companhias aéreas low-cost.
Mas se já estiver do outro lado do mundo e pretender viajar, por exemplo, pelo continente asiático ou pela América do Sul, esteja atento a companhias aéreas low-cost regionais. Estas nem sempre surgem nos motores de busca.

Contrariamente ao que se possa pensar, as companhias aéreas low-cost não são mais inseguras do que as regulares, estando, obviamente, sujeitas às mesmas normas rigorosas. Nos voos domésticos de um determinado país estas podem, no entanto, ser mais flexíveis quando comparadas com as normas de voos internacionais. Se desconhecer uma terminada companhia aérea, tente encontrar opiniões na Internet.

11. Compre as viagens de ida e volta em conjunto

Nos voos de longo curso é bastante mais barato comprar bilhetes de ida e volta. Voos individuais custam, à vontade, 80 % do preço do voo. Tal não compensa quase nunca. A exceção são as transportadoras de baixo custo como, por exemplo, Condor ou Ryanair.

12. Procure voos open-jaw

Um tipo específico de voos de ida e volta são os voos open-jaw, ou seja, voos para um determinado destino e regresso de outro. Imagine que pretende viajar pelo Brasil, tendo como primeiro destino o Rio de Janeiro. Seria pouco vantajoso partir dessa cidade se no final da sua viajem estiver em Salvador – na outra ponta do país. Das duas uma: ou consegue um voo doméstico para regressar ao Rio de Janeiro, ou procura desde logo um voo open-jaw. Ou seja: Ida: Lisboa – Rio de Janeiro. Regresso: Salvador – Lisboa.

13. Reserve a tarifa mais barata

É óbvio que procurará comprar o bilhete mais barato. No entanto, é necessário ter em mente que as tarifas mais baratas implicam, muitas vezes, elevadas taxas no caso de alterações ou cancelamentos. Se a flexibilidade for uma prioridade para si, talvez será vantajoso considerar uma tarifa mais cara.

Além disso, é possível prescindir do seguro de cancelamento, oferecido sempre por um valor adicional aquando da reserva do voo.

14. Subscreva as newsletters das companhias aéreas

Muitas companhias aéreas enviam regularmente newsletters com preços promocionais. Poderá, atempadamente, subscrever as newsletters de companhias aéreas com o destino pretendido e quem sabe… poderá ter sorte.

Conclusão

Se, antes de reservar ou comprar o seu voo, tiver em consideração algumas destas dicas, certamente poderá poupar algum dinheiro. No que diz respeito a voos de longo curso, esta poupança pode ser de várias centenas de euros. Assim, vale sempre a pena pesquisar um pouco e mostrar alguma flexibilidade.